Estatísticas, Jornalismo, Mercado

O salário dos jornalistas no Brasil

Abaixo, reproduzo alguns dados divulgados no site Comunique-se a respeito da situação salarial dos jornalistas brasileiros. Importante notar que o site não forneceu números absolutos e nem referenciou de que estudo se trata. Para piorar a situação, apagaram da matéria alguns gráficos anteriormente publicados.

Então, somente a título de curiosidade, a matéria do Comunique-se diz que…

  • A maioria dos jornalistas de até 29 anos no Brasil não consegue ganhar nem mil reais por mês.
  • Poucos profissionais, estes geralmente na faixa dos 40 a 49 anos de idade e que trabalham como assessores de imprensa, atingem um salário de 3 mil reais.
  • As mulheres em geral ganham salários 28% mais baixos que os homens.
  • Quase 90% dos jornalistas brasileiros não falam uma segunda língua. Somente 8% falam inglês ou então inglês e mais uma outra língua estrangeira.

Vamos ver se eles trazem informações mais precisas numa próxima. (Ou se atualizam novamente a matéria; nunca se sabe…).

About these ads
Padrão

21 comentários sobre “O salário dos jornalistas no Brasil

  1. Eu tenho uma teoria que passo aos meus alunos sobre o assunto baseada na minha experiência e observação do mercado, portanto, uma teoria nada científica e um tanto aberta à opiniões :-)

    “Uma boa parcela dos jornalistas:

    - Acha que o ensinamento dado na universidade é suficiente para sua formação (não participa de cursos, eventos, palestras, lê livros da área extra-obrigatórios, pesquisa assuntos da área em que quer atuar, etc.).

    - Não participa de eventos ou freqüenta grupos, digitais ou físicos, de profissionais da área em que quer atuar (além de não renovar os conhecimentos, não conhece novas pessoas e não mostra a qualidade do trabalho para grupos além do familiar e dos amigos próximos).

    - Não fala ou ao menos lêem inglês.

    - Não se interessa por dinheiro, finanças pessoais, planejamento, gestão e afins.

    - Vive o jornalismo apenas no período da sala de aula ou nas 8 horas de trabalho.

    - Não sabe vender e mostrar seu trabalho. Não adianta ser um ótimo profissional, se ninguém conhece seu trabalho sem um portfólio, um site com os trabalhos feitos, um blog que seja.

    - Reclama que as vagas exigem experiência e esquece que os trabalhos de faculdade, para os que nunca trabalharam, se fossem feitos com o empenho que o professor inicialmente espera, são ótimas exemplos de trabalho que são considerados sim como experiência por qualquer empregador.

    Aliás, falando em alunos especificamente, muitos consideram o trabalho de faculdade apenas um empecilho entre ele e o diploma. Tanto é que, quando entrevisto estagiários, sempre faço questão de ver o trabalho deles na universidade, pois a maioria nem considera essas peças dignas de ser mencionadas em entrevistas de emprego.

    - Reclama de salários e do mercado de trabalho e não faz nada para mudar os itens anteriores. Prefere tomar um choppinho no bar de noite e viver conformado, afinal ‘o mercado é assim’.”

    Portanto, sabendo que as boas vagas são indicações e que indicações advém do conhecimento das pessoas certas do seu trabalho, basta praticar os itens acima que, de início, você já dá um passo a frente de 80% dos jornalistas :-)

    Além disso, sem trabalho, tanto de formação quanto de divulgação de suas qualidades, dificilmente um bom emprego baterá à porta. Para os profissionais que não cumprem os itens acima, que deveriam se padrão em qualquer profissional atual, só resta mesmo chegar aos 29 anos ganhando menos de 1 mil reais (~ US$524, €390) por mês.

  2. Pingback: Lições que todo acadêmico de jornalismo deve ter a obrigação de saber « Diário de jornalista

  3. Mayssa Faleiros disse:

    Olá, meu nome é Mayssa, curso o ensino médio e tenho interesse em fazer meu curso de graduação em Jornalismo. Pelo que li, os números de profissionais e as médias salariais me assustaram um pouco. Gostaria de saber, qual seria a importância ou até mesmo a vantagem da dominação de 3 línguas estrangeiras para a profissão.

    Gostaria de encontrar algo sobre isso aqui no blog.
    Obrigada desde já!

  4. Marcos disse:

    Sempre tive muita vontade de cursar uma graduação de jornalismo que sempre me interessou, muito mesmo.
    Mas nunca imaginei que um profissional graduado em jornalismo, “ganhava” tão pouco em relação a outras profissões, claro que depende de cada profissão seu salario, mas nao acho justo uma pessoa estudar 4 anos numa faculdade correndo o risco de nao ser recompensado financeiramente podendo ate nao conseguir emprego, acho que por mais que nos tenhamos que nos dedicar e nos aperfeiçoar a recompença nao esta a altura porque a vida de um jornalista é bem corrida, nas redações um exemplo tem que fazer uma matéria a toque de caixa, acho que um Jornalista poderia ganhar um pouco mais devido ao sacrificio da profissão. Muitas vezes a unica realização pode ser só a pessoal.
    Eu curso engenharia florestal mas sempre tive desejo de cursar jornalismo antes ou após a faculdade. E penso seriamente em abandonar meu curso já que não me identifico com a area de exatas, mas tenho medo por causao do mercado de trabalho de um jornalista.Acho que o tempo de faculdade correria, estresse, xeroz ao menos deve ser recompensado.

  5. Pingback: Spotter

  6. mariana disse:

    Oi, sou aluna do segundo ano do ensino medio . Pensando no vestibular ,decidi pesquisar o jornalismo que sempre estive interessada.Mas foi mesmo um baque saber dessas informacoes! Mas mesmo assim ainda vou prestar vestibular para jornalismo por que sei que vou ser diferente de 80% dos profissionais!

  7. Milena disse:

    Muitas amigas minhas já fizeram jornalismo, e todas ganham acima de mil reais, eu sempre gostei de jornalismo, e é essa faculdade que vou fazer, pois, tenho certeza que esses 80% de pessoas não eram tão esforçadas como eu vou ser…
    acredito que se você se empenhar tudo pode dar certo…

  8. eu agora fiquei com medo !!! euheueheuh porque vou prestar vestibular agora!! pra jornalismo e quase desistirr! mas vo ulutar e estuar pra ser um bom profissional, e ganhar mais de mil… ahahaah

  9. Láecio disse:

    Eu vou prestar vestibular para Jornalismo, mais o que todo mundo está comentando agora e com medo e por causa que não precisamos mais de diploma para exercer a profissão! Eu vou continuo ainda pensando em prestar vestibular nessa area, uma das melhores profissões que temos, e eu ganhei um amor pelo jornalismo.

  10. Flávia disse:

    Concordo com o professor André de Abreu.

    Acredito que a busca pelo conhecimento é essencial para o destaque profissional. Isso não, exclusivamente, no jornalismo, mas em todas as profissões.

    Sou jornalista há 3 anos, ganho mais de R$1000,00 reais, em Assessoria de Comunicação e queria muito atuar em outra área da profissão ( telejornalismo) e ter novas oportunidades.

    Mas nunca indicaria um parente, amigo, conhecido a fazer uma faculdade de jornalismo. Com a perda da obrigatoriedade do diploma , nossa profissão , que já não era reconhecida, perdeu totalmente o diferencial, o valor da graduação.

    Hoje estamos totalmente nas mãos dos donos de veículos de comunicação.

    Nossa profissão não tem um Conselho Federal de Jornalistas , como todas as profissões tem e nossa Federação e sindicatos pouco ou nada fazem …

    Aconselho a todos os estudantes interessados em jornalismo, a consultarem um jornalista primeiramente e as chances no mercado de trabalho, porque o “belo mundo da comunicação” as vezes pode ser terrível e cruel, quando o profissional já formado se depara com um mercado nada promissor e que dá chances principalmente para o Q.I ( quem indica) e não para o conhecimento profissional.

    Aos que quiserem arriscar: Boa sorte !!!

  11. daniel junio soares disse:

    Meu sonho e fazer jornalismo, estou pesquizando diariamente
    na internet sobre o mesmo, mais pelo que estou vendo
    estou quese desistindo de fazer jornalismo
    por conta do salario absurdo.

  12. mislaine gabrir disse:

    olá…. meu nome é mislaine….já fiz o vestibular para jornalismo… graças a Deus eu passei… e começo na faculdade em janeiro.
    depois de tanto pesquisar sobre a profissão, cheguei a conclusão de que é um tanto arriscado para mim cursar jornalismo… não pelo salário…(que é absurdo) mas sim pela desvalorização sofrida pelo profisional….pela falta de respeito com quem ja é formado.
    como ja estou maticulada na faculdade para começar agora em 2011 vou começar o jornalismo…. mas sei que até o final do primeiro semestre eu posso mudar o curso… ai então… até lá eu me decido se continuo ou se opto por “Arquitetura e urbanismo”.

  13. Thamiris disse:

    Oi Boa noite , sou uma estudante que irei passar pro primeiro ano , e eu estou procurando uma profissão vc sabe me dizer quanto está o salario de uma jornalista de modelo ?, e quais são os cursos nessesarios ?

  14. sullivan augusto ribeiro disse:

    eu cursando jornalismo porém estou pesquisa sobre a remuneração e não achei legal pagar tão caro no meu curso para receber um salario baixo como este e estou pensando em mudar para publicidade

  15. andreza disse:

    Resposta válida a todos:
    Acho que algumas informações descritas no texto são válidas, porém outras dependem de vários fatores como: Ao cursar uma faculdade de jornalismo voçê abre várias outras portas de trabalho que devem ser estudadas como; apresentadora de tele-jornais ou grandes jornais; jornalista criminal; jornalista de programas de tv ou rádio; jornalista de empresários, políticos e etc.
    E devemos considerar e pesquisar e veremos que estas específicas profissões são bem mais remuneradas do que ser um simples jornalista!
    Considerando também que devemos sempre sonhar e pensar alto apesar de começarmos por baixo!

  16. Helena disse:

    Eu tenho apenas 14 anos, mais já me preocupo bastante com o meu futuro, eu tenho muita vontade de cursar jornalismo, confesso que fiquei surpresa com as informações, mas acho que o salário depende muito do potencial de cada um também…Mais apesar das informações, continuo querendo ser uma jornalista.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s